Alçamento da vogal /o/ na fala de alunos do 3º e 4º anos do ensino fundamental de Três Coroas/RS

Edina Morgana Porscher, Lovani Volmer, Rosemari Lorenz Martins

Resumo


Este estudo, consoante os pressupostos metodológicos da Sociolinguística Variacionista, discute o alçamento da vogal “o” em posição pré-tônica e pós-tônica. O objetivo da pesquisa foi analisar em que medida o alçamento da vogal “o” ocorre na fala e quais os contextos sociais e linguísticos que favorecem esse processo. A pesquisa foi realizada com crianças do 3º e 4º anos do Ensino Fundamental de escolas da rede municipal de Três Coroas/RS. A coleta de dados foi feita por meio de uma entrevista oral, na qual foram mostradas aos participantes imagens que representavam palavras com a vogal média “o” em posição pré-tônica e em pós-tônica. Após a coleta dos dados, a análise e a interpretação dos resultados indicaram alçamento vocálico em 53,4% das palavras analisadas e, dessa porcentagem, 75,7% das ocorrências se deu em palavras pós-tônicas.

 


Referências


AGUIAR, Maria Suelí de; CASTRO, Maria Célia Dias de. O alçamento e abaixamento vocálico no dialeto da região de Gerais de Balsas. Trabalho apresentado no VIII Colóquio de Pesquisa e Extensão da Universidade federal de Goiás – UFG, em 1/3/2007, Grupo de Estudos em Lingüística Histórica, sob a coordenação da Profa. Dra. Maria Suelí de Aguiar. Disponível em [file:///C:/Users/PC/Downloads/O_ALCAMENTO_E_ABAIXAMENTO_VOCALICOS_NO_DIALETO_DA_.pdf]

BECHARA, Evanildo. Moderna Gramática Portuguesa. 38 ed. Rio de Janeiro: Nova Fronteira; Lucerna. 2015.

BISOL, Leda. A harmonização vocálica como indício de uma mudança histórica. DELTA. São Paulo: SP. V. 31-1, p. 185-205, 2015.

_____________. O acento: duas alternativas de análise. Porto Alegre: PUCRS, 1992.

CÂMARA JÚNIOR, J. Mattoso. Princípios de Linguística Geral. 7 ed. Rio de Janeiro: Livraria Editora, 1989.

CARMO, Márcia Cristina do; TENANI, Luciani Ester. As vogais médias pretônicas na variedade do noroeste paulista: uma análise sociolinguística. Alfa: São Paulo, SP. V. 57, nº 2, p.607-637, 2013.

CRISTOFARO-SILVA, Thais. Fonética e fonologia do português: roteiro de estudos e guia de exercícios. São Paulo: Contexto, 2010.

DUBOIS, Jean (et al). Dicionário de Linguística. 15 ed. São Paulo: Cultrix. 2007.

HORA, Dermeval da. Fonética e Fonologia. Centro de Ciências Humanas, Letras e Artes, Universidade Federal da Paraíba. João Pessoa, V. 3, p. 1-45: 2012.

LABOV, W. Sociolinguistic patterns. Philadelphia: University of Pennsylvania Press, 1972.

MEZZOMO, Carolina Lisbôa; MOTA, Helena Bolli and DIAS, Roberta Freitas. Desvio fonológico: aspectos sobre produção, percepção e escrita. Rev. soc. bras. fonoaudiol. [online]. 2010, vol.15, n.4, pp. 554-560.

MONARETTO, Valéria Neto de Oliveira. O alçamento das vogais médias pretônicas /e/ e /o/ Sem motivação aparente: um estudo em tempo real. Fragmentum. Santa Maria, RS. Nº 39, p. 18-28, Outubro a Dezembro/2013.

SANKOFF, D.; TAGLIAMONTE, S. A.; SMITH, E. Goldvarb X - A multivariate analysis application. Toronto: Department of Linguistics; Ottawa: Department of Mathematics, 2005.

TASCA, Maria. Interferência da língua falada na escrita das séries iniciais: o papel dos fatores linguísticos e sociais. Porto Alegre: EDIPUCRS, 2002.


Texto completo: PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado sob uma Licença Creative Commons Attribution 3.0 .

QUALIS/CAPES - quadriênio 2013-2016B2 - ÁREA DE LINGUÍSTICA E LITERATURA

 

Indexadores de Base de Dados (IBDs) 
Bases de periódicos com texto completo: